Comerciante morre após ser baleado em Pinheiro, no Maranhão


Segundo a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), o crime teria sido praticado por membros de uma facção criminosa Homem é preso após arrombar estabelecimento comercial e ferir PM no centro de São Luís
Divulgação/Polícia Militar do Maranhão
Um comerciante, identificado como Manoel Balbino Correia, de 48 anos, morreu na segunda-feira (25), após ser baleado no bairro Vila Nova, em Pinheiro, cidade localizada a 333 km de São Luís.
Segundo a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), o crime teria sido praticado por membros de uma facção criminosa e não tinha o comerciante como alvo.
Os criminosos chegaram no estabelecimento efetuando vários disparos contra Marcos Carvalho Ferraz, conhecido como 'Gato a Jato'. Manoel Balbino e uma outra vítima, identificada como Maria Mendes de Araújo, foram baleados. As vítimas foram encaminhadas para o hospital.
Um dos bandidos foi baleado por um sargento do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), que presenciou o assalto.
Manoel Balbino chegou a ser socorrido, mas morreu ao ser transferido para um hospital em São Luís.