Detentos fabricam matracas para o São João do Maranhão

Grupos de Bumba Meu Boi receberão três mil matracas que estão sendo produzidas por detentos do Maranhão, os presos fazem parte de um projeto chamado “Som do São João”, que tem como objetivo reintegrar quem tem o desejo de uma nova oportunidade.

Detentos que têm bom comportamento e já cumpriram uma parte da pena, estão trabalhando e produzindo matracas, que serão usadas nas apresentações do São João do Maranhão. Os objetos serão doados à Secretaria de Cultura do Estado e vão ser distribuídos aos grupos de Bumba meu Boi do Maranhão e vendidos nos arraias.

Os internos fazem parte também do programa Trabalho com Dignidade, da Secretaria de Administração Penitenciária, que ensina os processos de produção aos detentos. A cada três dias trabalhados, um dia é descontado da pena, além da diminuição dos dias, os detentos saem com capacitação profissional.

“Além de serem qualificados, profissionalizados, eles podem diminuir sua pena, eles ainda podem receber um determinado valor para poder ajudar a família”, diz Murilo Andrade, secretário de administração penitenciário.

Por Marjorie Sampaio