Ex-vereador de Barra do Corda é preso por estupro contra adolescente


Crime teria sido cometido contra a vítima durante oito anos. Edimar Linhares foi encaminhado para uma penitenciária. Edimar Linhares foi preso por suspeita de estupro de vulnerável em Barra do Corda
Divulgação/TSE
A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (6) o ex-vereador de Barra do Corda, Edmar Linhares, que é suspeito de praticar o crime de estupro de vulnerável por oito anos contra uma pessoa menor de idade. O ex-parlamentar também chegou a ser presidente da Câmara de Vereadores entre 1998 e 2000.
"A gente deu cumprimento a um mandado de prisão expedido pela 2ª Vara da Comarca de Barra do Corda em uma investigação sobre crime de abuso sexual, estupro de vulnerável. As investigações dão conta de que, durante oito anos, da infância até a adolescência, a vítima foi abusada sexualmente por esse indivíduo. A gente iniciou as apurações, ouviu testemunhas e ela foi ouvida por uma psicóloga. Após essas oitivas, representamos ao judiciário local pedindo a prisão preventiva", afirmou o delegado Daniel Arruda.
Ex-presidente da Câmara Municipal é preso suspeito de abuso sexual no MA
A prisão preventiva foi expedida pelo juiz Antonio Elias de Queiroga. Edmar foi levado a uma penitenciária e a Polícia Civil tem um prazo de 10 dias para concluir o inquérito.