Líder quilombola é assassinado por pistoleiros em São João do Sóter


O presidente da Associação dos Quilombolas do povoado Jacarezinho, em São João do Sóter, Edvaldo Pereira Rocha, foi assassinado, na tarde desta sexta-feira (29).

No momento do ataque criminoso, Edvaldo se encontrava fazendo um lanche em um comércio, à beira da MA-127 (km 36), no povoado Bom Jardim, na entrada da localidade Nezito, que dá acesso ao santuário São Francisco.

Dois pistoleiros chegaram em um veículo e efetuaram vários disparos contra o líder quilombola, que foi atingido por oito disparos e teve morte imediata.

Edivaldo Rocha era filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT) de São João do Sóter, liderança sindical e representante da comunidade Jacarezinho. Há anos vinha lutando pela titulação da sua comunidade quilombola.

Providências da SSP

Ciente do crime, o delegado geral de polícia, Jair de Paiva, tomou providências imediatas, enviando reforço e perícia para o local do crime, sob comando do delegado geral de Caxias, Alcides Martins, para tentar prender os autores do crime e apurar os motivos que levaram ao assassinato do petista. Fonte: Blog do Gilberto Lima