Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Pais cobram retorno de aulas presenciais em escola municipal de Imperatriz

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
A mãe de uma aluna do 8° ano da Escola Municipal Paulo Freire está reclamando por causa do atual formato das aulas na instituição. Isso porque, segundo ela, mesmo com...

A mãe de uma aluna do 8° ano da Escola Municipal Paulo Freire está reclamando por causa do atual formato das aulas na instituição. Isso porque, segundo ela, mesmo com o retorno do ensino em formato 100% presencial, na última segunda-feira (01), a escola de sua filha continua com aulas apenas online pelas plataformas Gduc e Google Meet.

A mãe da aluna disse que as aulas estão acontecendo online por causa de uma obra que não foi finalizada. “Iniciaram uma reforma na escola justamente quando era pra voltar as aulas presenciais e um ano depois os alunos da escola nunca foram à escola”, completou. Para ela o ensino online tem atrapalhado o aprendizado de sua filha.

O Imperatriz Online entrou em contato com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), e foi informado que a comunidade escolar é ciente que a Escola Paulo Freire está na plataforma e permanecerá até conclusão da reforma da instituição. Além disso, a Semed afirmou que, em virtude de ser uma das maiores escolas do município, a secretaria não conseguiu um imóvel que pudesse acomodar os alunos durante a reforma. Leia a nota abaixo na íntegra.

“A Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria Municipal de Educação, explica que a Escola Municipal Paulo Freire permanece com aulas via plataforma virtual Geduc em razão do grande investimento que recebe no momento, que é a reforma e ampliação de toda sua estrutura predial, com mais de 3 mil metros de área construída.
Diante da nova política educacional, aplicada nos últimos anos pela gestão Assis Ramos, com melhorias estruturais e pedagógicas de toda a rede de ensino, a unidade, enquanto maior escola da rede municipal, também foi beneficiada.
Desde o início da reforma, a comunidade escolar está ciente das aulas aplicadas em ambiente virtual, uma vez que não foi encontrado nenhum imóvel para locação que pudesse acolher a todos os alunos matriculados. A obra está em fase de conclusão e tem previsão de entrega à comunidade para setembro de 2022″.

Deixe sua Opinião

Ultimas Noticias

Siga a Gente

--:--
--:--
  • cover
    Rede Mano Santana
  • cover
    Mirante FM