Passageiro é baleado e morre durante terceiro caso de assalto a ônibus na Grande São Luís


Novo caso foi registrado na BR-135, em Pedrinhas, dentro de um ônibus que faz a linha Coqueiro. Wellington Rosa da Silva, de 39 anos, foi atingido por um tiro durante um assalto a ônibus em São Luís
Reprodução/Redes Sociais
Na tarde desta quinta-feira (19), mais uma pessoa morreu por conta de um assalto dentro de um ônibus na grande São Luís. A vítima foi identificada como Wellington Rosa da Silva, de 39 anos, que teria reagido ao assalto e acabou sendo baleado no abdômen.
Veja mais
Secretário de segurança do MA diz que violência na Grande São Luís está ‘em declínio’
Suspeito de esfaquear motorista de ônibus em São Luís é preso no Residencial Nova Terra
De acordo com a polícia, o crime aconteceu na região do bairro Pedrinhas, na BR-135, dentro de um ônibus que fazia a linha para o Coqueiro. Wellington ainda foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Maracanã, mas não resistiu ao ferimento.
Policiais estiveram na região fazendo rondas, mas o criminoso não foi encontrado e ninguém foi preso.
Esse é o terceiro caso de assalto a ônibus que termina de forma violenta na grande São Luís. Na quarta-feira (18), Regina Rodrigues França, de 39 anos, morreu ao se jogar de um ônibus em movimento durante um assalto na Estrada de Ribamar, Região Metropolitana de São Luís.
De acordo com a polícia , ela teria se assustado quando dois assaltantes entraram no ônibus, da linha Paranã/São Francisco, na região próximo a Quimica Norte. A dupla teria ameaçado os passageiros e o motorista do ônibus, o que fez Regina pular pela janela. Ao cair, ela teve um forte impacto na cabeça e morreu nas proximidades da garagem da Taguatur.
No mesmo dia, durante a noite, o motorista de ônibus Igor dos Santos, de 37 anos, foi esfaqueado durante um assalto na Avenida Guajajaras, na altura do bairro São Cristóvão, em São Luís.
Segundo a polícia, a vítima estava conduzindo um ônibus que fazia a linha Santa Clara/João Paulo, quando o assaltante entrou no coletivo e ficou na parte da frente do veículo. Depois de uns minutos observando o movimento, o criminoso sacou uma faca e tomou o celular de uma passageira e depois se virou para ameaçar o cobrador e outros passageiros.
Motorista de ônibus é esfaqueado durante assalto a coletivo em São Luís; VÍDEO
Ao perceber a ação criminosa, Igor dos Santos reagiu ao assalto e travou uma luta corporal com o assaltante. Durante a luta, o criminoso esfaqueou o motorista. A ação foi registrada por câmeras do circuito interno do coletivo (veja o vídeo acima).
Segundo a polícia, a prisão do suspeito no crime aconteceu durante a tarde desta quinta (19), no Residencial Nova Terra, em São José de Ribamar. O nome do preso não foi informado.
Secretário diz que violência está 'em declínio'
Nesta sexta (19), em entrevista ao ‘JMTV’ 1ª edição, o secretário de Estado de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), Coronel Sílvio Leite, falou que a capital 'apresenta queda', a nível nacional, em 6% de crimes violentos letais.
“[…] Os crimes violentos, na Região Metropolitana de São Luís, estão em declínio. Nós verificamos um dado do Monitor da Violência […] a nossa redução de crimes violentos letais está melhor do que a nível nacional […]’’, disse o secretário.
Os dados, segundo Sílvio Leite, são baseados no Monitor da Violência. No entanto, a própria Secretaria de Segurança Pública informa que houve 100 mortes violentas nos municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa, de janeiro a abril, superando os índices de 2021, no mesmo período. O Monitor da Violência, citado pelo secretário, não coletou os registros dos meses de abril e maio (ainda em curso).