“Pirata da Litorânea” é resgatado a torre da Mirante e levado para hospital psiquiátrico


O homem que subiu na torre de transmissão do Grupo Mirante foi resgatado e deixou a estrutura metálica na noite desta quarta-feira (30). Antônio Carlos da Silva, de 47 anos, conhecido como “Pirata da Litorânea”, desceu da torre em operação que foi conduzida por 17 militares do Corpo de Bombeiros do Maranhão (CBMMA), sob o comando do coronel Célio Roberto, e contou ainda com dois socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Dois bombeiros militares, especialistas nesse tipo de crise, escalaram a torre do Grupo Mirante, conversaram com Antônio Carlos e negociaram a descida da torre em segurança.


Após receber os primeiros socorros, o homem foi levado ao Hospital Nina Rodrigues, em São Luís, onde ficará internado por três dias, de acordo com a equipe do SAMU. Após esse prazo, ele deve ser encaminhado para outra clínica.

Entenda o caso

Alguns sinais de transmissão dos veículos do Grupo Mirante precisaram ser desligados temporariamente, e algumas áreas foram isoladas para a segurança de todos.Antônio Carlos invadiu a sede do Grupo Mirante na manhã desta quarta-feira e adentrou as instalações da torre de transmissão de televisão.

O Grupo Mirante acionou imediatamente a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros para conduzir a situação, além de se colocar à disposição das autoridades para o desfecho da situação da melhor maneira possível. Fonte: Blog da Suelda Santos